arquitetura / lisboa, portugal

minimalismo não é simplesmente a libertação dos excessos, mas sim, o fim do desejo pelo que é desnecessário. é sinónimo de essência e estruturação. tal como na geometria, ela sustenta-se na consciencialização e valorização dos ínfimos detalhes. no entanto, é preciso ter olho clínico para vê-la, inteligência para entendê-la e alma para admirá-la. neste projeto, coube ao design aplicar ordem, ou seja, decifrar o caos.

criação logotipo e estacionário para atelier de arquitetura fundado em 2002.

yeah!

vamos trabalhar?